Pela primeira vez, na história do Festival de Balonismo, um torrense saiu vencedor. Murilo Hoffmann, 30 anos, da Omega Balonismo e piloto do balão da Construtora Monte Bello, é o Campeão deste 31º Festival. O segundo lugar foi do paulista Warley Macedo, e o terceiro de Murilo Gonçalves, de Sombrio, Campeão do Festival em 2018. Os nomes dos primeiros colocados foram anunciados pelo governador Eduardo Leite, que prestigiou o evento neste domingo, 5 de maio, data do encerramento.

Os prêmios dos primeiros colocados foram entregues nas dependências do Ginásio de Balonismo, após almoço de confraternização dos pilotos, equipes, organizadores, patrocinadores e demais incentivadores. A premiação total foi de R$40mil. De 14mil para o primeiro lugar, R$ 7mil para o segundo, R$ 5mil para o terceiro e R$ 2mil até o décimo lugar. Os demais participantes receberam troféu de participação e medalhas para as equipes. A Prova da Chave que daria um veículo da Pinho como prêmio, não teve ganhador.

Confira a classificação final completa:

A cobertura do Blog no 31° Festival Internacional de Balonismo tem o patrocínio da Construtora Monte Bello, Infinity Imobiliária Digital, Omega Balonismo, Air Show, Sosseg, RVB Balões e Infláveis, Balloon Pizzaria, Peretto & Irmão Material de Construção, RMS Telecom, Jung Balonismo, Filipe Minotto Fotografia, Fábrica Restaurante e Eventos e ART Malhas.

Comentários

comentários