A entrevista de hoje do Blog do Balonismo é com a única mulher participante do último campeonato brasileiro de balonismo, realizado em Araçoiaba da Serra/SP. Laís Pinho, piloto de Torres/RS conta pra gente como é participar deste evento, seus sonhos e projetos. Confira a seguir:

Blog do Balonismo: Como você avalia a sua participação no campeonato brasileiro de balonismo?
Laís: Esta é a segunda vez que participo do Campeonato Brasileiro, e me sinto muito feliz com meu desenvolvimento. Uma competição deste nível eleva muito o meu desempenho. Tenho me tornado mais competitiva e muito mais precisa. Ainda não obtive o resultado que espero, mas venho trabalhando pra isto.

Blog do Balonismo: Este ano foste a única mulher a participar do campeonato, o que tu acha disso?
Laís: Ano passado tivemos o privilégio de ter mais mulheres competindo, o que já não era visto antes, e estamos buscando para que cada vez tenhamos mais mulheres na competição. Este ano fui a única competidora, mas acredito que em pouco tempo teremos um número bem maior. Ser a única mulher competindo carrega algo a mais do que cumprir as provas com maestria e acertar os alvos. Este ano mais do que nunca vi a importância como mulher de mostrar meu lugar no mundo, e que posso escolher o lugar onde quero estar. Não costumo ver a diferença entre homens e mulheres no esporte (a não ser pela força física), mas carrego a marca de única, ou uma das poucas mulheres a pilotar um balão, e espero conseguir passar uma mensagem a todas mulheres a seguir seus sonhos e mais ainda, a se tornarem piloto, pois não há gratificação maior do que pilotar aquele gigante enquanto flutua na imensidão.

Blog do Balonismo: Voar ao lado do seu pai deve ser bem emocionante. Na hora da competição, é cada um por si ou fica aquela torcida?
Laís: Realmente voar lado a lado da meu maior exemplo, minha inspiração é mais que emocionante, cada um faz seu voo, vamos nos comunicando o tempo todo, um passa coordenadas para o outro e sempre na torcida, e mesmo estando de longe no outro balão, é sempre aquela gritaria quando um dos dois acerta a marca bem no alvo.

Blog do Balonismo: Assumiste recentemente a vice presidência da Federação Gaúcha de Balonismo. Quais os planos pra entidade?
Laís: Sim, nossa entidade é referência em organização e desenvolvimento, e espero que a cada dia consigamos buscar mais e mais eventos e benefícios a nossos federados, e que a união do grupo sempre prevaleça.

Blog do Balonismo: Qual o seu grande sonho como balonista?
Laís: Zerar aquela marca ainda é um sonho, mas que tenho chego cada vez mais próximo. Estou sempre buscando e realizando pequenas conquistas e me aproximando do que carrego como êxito.

Blog do Balonismo: Quem é a sua inspiração no esporte?
Laís: Desde pequena sempre admirei muito o Sacha Haim, e não para menos, o maior vencedor do nosso festival (de Torres). Mas não teria como citar outros nomes, principalmente aos pilotos que me ensinaram e ainda me ensinam, minha admiração só aumenta, e agradeço por fazerem deste esporte ainda mais bonito.

Blog do Balonismo: Deixe um recado pros leitores do Blog do Balonismo.
Laís: Primeiramente agradecer a todos que torcem por mim, aos pilotos, amigos e a minha família por todo o apoio. E dizer que se há algo mais lindo que voar de balão, por favor me digam, pois ainda não encontrei o que me faça sentir tão plena, alegre e confiante neste mundo. Obrigada Lasier pela oportunidade, e parabéns mais uma vez pelo trabalho excepcional que você faz.

Comentários

comentários