A segunda edição do campeonato mundial de balonismo aconteceu em 1975, dois anos depois da realização do primeiro evento. Albuquerque mais uma vez foi a cidade sede, se confirmando cada vez mais como a cidade do balonismo mundial.
A época de realização do campeonato também foi alterada. Passou de fevereiro para outubro, entre os dias dois e doze. E foi comprovado que a decisão foi a mais acertada. Tanto que até hoje o Balloon Fiesta permanece no mesmo mês.
O mundial de balonismo teve a participação de trinta e quatro equipes, representando quinze nações. E o Estados Unidos mais uma vez levou a melhor. Desta vez com o piloto David Schaffer. A Suécia também foi novamente representada no pódio pelo Janne Balkedal. Peter Vizzard, da Austrália, ficou em terceiro lugar.

Bons Ventos!

Comentários

comentários